Hostel: 5 Erros a evitar

Hostel: 5 Erros a evitar

OK. Você já leu a matéria sobre Hospedagem em Hostel, se interessou por este tipo de hospedagem, e resolveu que na sua próxima viagem vai se hospedar mesmo num Hostel. Mas cuidado para não cometer alguns erros básicos na escolha do Hostel.

Se você é um viajante jovem, não deve saber que nos últimos dez/quinze anos o número de hospedagens desse tipo mais que dobrou.

Podemos afirmar que muitos dos novos hostels são muito bons, mas muitos não passam de apartamentos convertidos, que oferecem poucos – ou nenhum – serviços. Outros são montados em locais remotos, tentando preencher quartos vazios, enchendo-os com beliches de baixo custo, embora cobrando preços atraentemente baixos.

Outra tendência a ser observada com cuidado é que os albergues mais famosos – e também melhor localizados – de muitas cidades, aumentaram seus preços porque ainda podem encher beliches com base no “momentum”. Hostels famosos geralmente são ótimos e geralmente valem um preço mais alto, porém você não deve reservar um só porque já ouviu falar deles.

A maior parte dos erros na escolha final de um hostel, resultam da escolha de um lugar ruim apenas por causa de um preço muito baixo. Não arruine sua viagem, evitando os cinco erros abaixo.

1 – Não escolha um hostel numa péssima localização só para economizar

Hostels mais baratos estão, em geral, localizados muito longe do centro das cidades. A localização do hostel é crítica, e não um bom lugar para ser muito frugal. Isso depende da cidade, mas muitos deles estão longe de tudo, em locais sem nada para fazer ou passear, numa zona morta, que irá fazer um viajante que precisa economizar acabar gastando muito dinheiro e tempo para chegar aos centros das cidades, ou a seus mais interessantes lugares.

Muita gente que encontra custos de US$ 10 (dez dólares) acha um absurdo escolher um hostel que cobre US$ 25 ou 30 por noite. Você poderá acabar descobrindo que estará longe de tudo, a uma enorme distância de caminhada para o centro, ou pior, ter que fazer uma longa viagem, de ônibus ou trem, para chegar aos lugares mais interessantes.

Não esqueça também que tempo é dinheiro – assim prefira um hostel que esteja o mais próximo possível do centro da cidade, para não perder muito tempo apenas em deslocamentos muito grandes.

2 – Não sacrifique recursos importantes só para economizar

Se você ainda não está acostumado com vários tipos de hostels, em diferentes partes do mundo, é muito fácil de assumir que todos tem os mesmos tipos de serviço. Os mais populares (e mais caros) usualmente possuem uma Sala de TV, um bar, um balcão de atendimento e uma cozinha comunitária. Mas saiba que muitos dos hostels mais baratos não tem algum – ou não tem nenhum – desses serviços à disposição dos clientes.

Para quem só busca preços baixos a qualquer custo, é fácil acabar se hospedando em hostels com muitas camas em cada quarto, sem espaço para andar sem esbarrar em outra cama. E nada mais. Pode ser perfeito para economizar bastante para alguns viajantes, mas com certeza uma infeliz escolha para muitos de nós.

Não desconsidere a importância de ter um serviço de ajuda do staff para dar conselhos de visitas para você, ou de ter um salão comum para relaxar, além de uma adequada cozinha, para você economizar nas despesas de refeições – que não são nada baratas nos restaurantes turísticos.

3 – Não confunda Hostels festivos, com Hostels não-festivos

Basicamente podemos dividir os hostels em dois tipos: os do tipo festivo e os do tipo não festivos. A maioria de nós gosta de tomar uns drinques antes – ou depois – de fazer seus passeios vespertinos. Com certeza muitos hostels se prestam muito bem a quem gosta de mais festas – podem ter uma por noite, quase a noite toda.

Entretanto há pessoas que gostam de um lugar silencioso para dormir e descansar depois de um dia de muita caminhada, ou antes de um novo dia com muita coisa para visitar. Também há hostels desse tipo, então tenha certeza de em qual tipo se enquadra aquele que você acha mais interessante para se hospedar, para não se frustar com a hospedagem e portanto com sua viagem.

4 – Não deixe de conferir os comentários dos visitantes do hostel

Invista parte de seu tempo preparação para sua próxima viagem lendo cuidadosamente os comentários dos hóspedes anteriores de cada hostel que te interessar, antes de realmente fazer a reserva. Muitos hostels são bastante honestos ao descrever seus recursos, mas nem sempre eles são tão honestos assim com relação à sua localização.

Você pode frequentemente ler a propaganda de um hostel dizendo que está a 10 minutos do centro da cidade. Mas na verdade pode ficar a mais de 13 ou 15 minutos, e pior, que os ônibus só passam a cada hora. Se fiar apenas nos mapas que são apresentados nos sites dos hostels não é garantia de ter maior certeza nessa situação.

O que deve ser verificado é ler todos – ou pelo menos uma boa dúzia – dos comentários dos hóspedes anteriores. Essa é uma fonte importante de informações, que não deve ser relevada, mas cuidado para não cair no erro número 5, à seguir.

5 – Não seja enganado por comentários fakes

Alguns hostels (assim como alguns hotéis) não usam apenas comentários reais, mas até dão brindes (tipo uma taça grátis de cerveja) para quem fizer comentários mais favoráveis.

Isso leva à que você – para não ser enganado – tenha que checar não apenas a NOTA MÉDIA DO HOSTEL, mas sim LER OS CONTEÚDOS, onde você poderá saber dos problemas reais enfrentados pelos visitantes anteriores.

Uma DICA: se você ver que um hostel tem um número muito grande de comentários, a maioria deles com notas 5 (em geral as notas são de 1 à 5) e com textos muito curtos, DESCONFIE logo. Procure os comentários mais extensos, pois há maiores chances destes contarem uma verdade maior sobre o hostel.

E finalmente não esqueça de que é necessário fazer sua reserva num bom hostel com uma razoável antecedência, pois poderá não encontrar mais vagas para se hospedar, e ter que pagar mais em um hostel pior, mas que te cobrará mais caro por saber de sua necessidade já imediata em garantir uma cama para dormir em sua viagem.

One thought on “Hostel: 5 Erros a evitar

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.